Arquivo de 'Filmes'



Nova/antiga foto de Dakota no set de The Peanut Butter Falcon
22.09.2017

Recentemente, foi postada uma foto de Dakota durante as gravações de The Peanut Butter Falcon em Savannah, Geórgia, com a equipe de cabelo e maquiagem do filme. Veja a foto abaixo:

postado por Laura Melo na categoria Dakota Johnson
Pôsteres e teaser trailer de “Cinquenta Tons de Liberdade” são divulgados
10.09.2017

Enfim, a promo do último filme de Cinquenta Tons começa. Hoje, 10 de setembro, em comemoração do aniversário da nossa Anastasia Steele (ou, no caso desse filme, Grey), a conta oficial da franquia liberou não só um, mas dois pôsteres de Cinquenta Tons de Liberdade! Além disso, saiu um teaser trailer com novas cenas e prometendo ainda um trailer completo em novembro! O slogan do filme agora é “A Sra. Grey irá recebê-los agora.” Querem ver tudo? Confiram abaixo:

postado por Laura Melo na categoria Cinquenta tons de liberdade
No set de “The Peanut Butter Falcon” – 30 e 31 de Julho
01.08.2017
postado por Tai na categoria Bastidores
E. L. James posta foto dos bastidores de “Cinquenta Tons de Cinza”
19.07.2017

A autora dos livros de Cinquenta Tons, E. L. James, postou em sua conta do Instagram uma foto de Dakota com Eloise Mumford e Jamie Dornan nos bastidores das gravações do primeiro filme. Confira a imagem clicando em uma das miniaturas abaixo:

postado por Laura Melo na categoria Bastidores
Primeiras fotos de Dakota no set de “The Peanut Butter Falcon”
29.06.2017
postado por Tai na categoria Bastidores
INSTAGRAM: E. L. James posta foto dos bastidores de “Cinquenta Tons Mais Escuros”
22.06.2017

Em comemoração ao aniversário de Christian Grey (18 de junho), a autora de Cinquenta Tons, E. L. James, postou uma foto de Dakota e Jamie Dornan durante as gravações de “Cinquenta Tons Mais Escuros”, que estreou em fevereiro desse ano. Confira a imagem abaixo:

postado por Laura Melo na categoria Bastidores
Dakota é confirmada no elenco de “The Peanut Butter Falcon”
15.06.2017

MAIS UM PROJETO! Dakota foi confirmada no elenco de “The Peanut Butter Falcon”. Saiba mais:

Dakota Johnson e Bruce Dern juntaram-se a Shia LaBeouf no drama de aventura “The Peanut Butter Falcon”.

O recém-chegado Zachary Gottsagen, que é a inspiração para o filme, interpretará Zak, o personagem principal, e será dirigido por Tyler Nilson e Michael Schwartz a partir de um roteiro original.

A Variety relatou pela primeira vez em Maio que LaBeouf havia entrado para o elenco. A história acompanha Zak, um jovem com síndrome de Down que foge da casa de repouso onde vive para ir atrás do seu sonho de se tornar um lutador profissional e frequentar a escola de luta Saltwater Redneck. Através de circunstâncias fora de seu controle, um fora da lei que também está em fuga (interpretado por LaBeouf), torna-se o improvável treinador e aliado de Zak.

Tim Zajaros e Christopher Lemole da Armory Films, irão produzir e financiar o filme, juntamente com Ron Yerxa da Bona Fide Productions, T-Bone Burnett, Lije Sarki, e David Thies. Burnett também produzirá a trilha sonora. A gravação começará em 17 de junho em Savannah, no estado da Geórgia.

Zajaros e Lemole disseram: “Filmes como esse são a razão pela qual entramos no negócio. O roteiro é absolutamente incrível e a mensagem é muito importante, o que deve ser evidente a partir do excelente talento que o roteiro vem atraindo. Tyler e Michael são extremamente talentosos, e não poderíamos estar mais empolgados para trabalhar com eles”.

Johnson estrelou os dois filmes de “Fifty Shades of Grey” e será vista estrelando em “Suspiria” de Luca Guadagnino. Dern recebeu nomeações do Oscar por seus papéis em “Nebraska” e “Coming Home” e apareceu em mais de 100 filmes. Burnett ganhou um Oscar por canção original para “Crazy Heart” em 2009.

Gottsagen vive com síndrome de Down, e tornou-se a inspiração para o filme depois que Nilson e Schwartz o conheceram enquanto trabalhavam em uma organização de artes sem fins lucrativos.

Johnson é representada pela WME; Dern é representado por Innovative Artists e Pure Arts; Burnett é representado por L J Entertainment; E Nilson, Schwartz e Sarki são representados pela Management 360 e Bloom/Hergott.

Fonte | Tradução: Carol Felix

postado por Tai na categoria Filmes
Eric Johnson menciona Dakota em nova entrevista
04.05.2017

Em uma recente entrevista para a Imagista, Eric Johnson, co-star de Dakota em Cinquenta Tons Mais Escuros e Cinquenta Tons de Liberdade, menciona brevemente como foi trabalhar com a atriz. Confiram a tradução:

“Muitas das minhas cenas eram com Dakota e eu ficava constantemente mesmerizado pela nuance que ela trazia. Eu não acho que ela ganha o crédito que merece, e acho que ela fez um trabalho memorável nesse filme. Havia algumas coisas que ela fazia que eram quase impossíveis de conseguir, e ela o fazia com muita humildade. Foi muito divertido interpretar [o personagem] e nós pudemos fazer um trabalho divertido, apesar do fato que estou sendo horrível com ela quase todas as vezes que a vejo. Foi uma experiência realmente recompensadora.”

Fonte | Tradução: Laura M.

postado por Laura Melo na categoria Cinquenta tons mais escuros
Nova/antiga entrevista de Dakota para a ELLE Eslovênia
16.04.2017

De volta à press tour de “Cinquenta Tons Mais Escuros”, Dakota também foi entrevistada pela versão eslovênica da revista ELLE, e nela, a atriz fala sobre o filme, gravar com Jamie Dornan, entre outras coisas. Confira à seguir:

No final do primeiro filme, “Cinquenta Tons de Cinza”, vimos como Anastasia Steele deixa Christian Grey e toma controle da própria vida. Qual foi a experiência com “Cinquenta Tons Mais Escuros”?
“Cinquenta Tons Mais Escuros” inicia alguns dias depois que Anastasia deixa Christian. Ela está com o coração partido, ferida e confusa, mas ainda sente um forte amor e desejo por ele. No segundo filme, nós vimos como eles entram de acordo com suas emoções, e seu heroísmo excepcional a permite viver livremente com suas emoções. Ambos decidem dar outra chance ao relacionamento, mas nos termos de Ana. Ao longo do filme, Anastasia explora suas sexualidades, corpos e desejos de uma forma boa e honesta.

Como o relacionamento de Christian e Anastasia se desenvolve?
O que atrai nessa história é que eles se amam mais que tudo nesse mundo e fariam qualquer coisa para proteger esse amor. Esse vínculo brutal determina os personagens e faz deles mais ligados ao outro. Agora, eles têm de decidir se querem ou não ficar juntos, então há mais espaço para o relacionamento se desenvolver e aprofundar.

Do que você gosta em seu papel?
O desenvolvimento pelo qual Anastasia passou como uma jovem mulher, era mais emocionalmente animador do que o sexo, de verdade. Eu fiquei viciada com a natureza mental e moral dela. Ana também é corajosa o bastante para explorar sua sexualidade, assim como ser compassiva e confiante em si mesma.

Christian é um homem bem complicado e misterioso, o que é certamente um papel interessante, certo?
Claro, alguém que tem complexidades, se considera um sádico e tem fetiches sexuais, é interessante. É um personagem para ser interpretar com delicadeza.

Como foi trabalhar com Kim Basinger, que interpretou Elena Lincoln, uma mulher importante do passado de Christian, fato mencionado em “Cinquenta Tons de Cinza”?
Trabalhar com Kim Basinger foi um prazer extremo. Quando assisti pela primeira vez “Nove e Meia Semanas de Amor”, meu mundo virou de cabeça para baixo, já que sou uma grande fã dela e de seu trabalho. Kim em Cinquenta Tons… pareceu destino. Ela é tão talentosa e peculiar, absolutamente deslumbrante. Em meu mundo dos sonhos, estou experimentando esta coincidência como uma espécie de cerimônia de iniciação, honra ou a passagem do bastão, como quiser. Estou ciente de que ninguém é tão sexy, brilhante e linda quanto Kim Basinger em “Nove e Meia Semanas de Amor”, e eu aceitei isso.
Foi interessante – não só Anastasia se mostrando possessiva e protetora – mas também seu confronto cara a cara com essa mulher. Foi uma mudança significante de tom.

O que você pode dizer sobre Bella Heathcote, que fez uma das ex-submissas de Christian, Leila Williams?
Bella é uma grande mulher e atriz. Ela é muito simpática, aberta e animada. Na verdade, isso deixa o ambiente mais confortável para se trabalhar, e eu acho que o fato acrescentou muito peso na representação verídica e bonita de Leila.

Há humor no filme?
Normalmente, eu encontro humor nas situações menos convencionais. Na minha vida, isso serve como um mecanismo de distração. Eu percebi que essa contribuição ao meu trabalho é, às vezes, eficiente. Com a história sendo adaptada para as telonas, eu espero que o humor dê um pouco e alívio e uma espécie de tempo para as pessoas depois de cenas intensas.

Você acha que é importante não levar as coisas muito à sério e ser capaz de rir de si mesmos?
Eu acho entediante pessoas sérias demais.

Como foi voltar para a personagem?
No primeiro filme, havia aquela enorme pressão em adaptar uma história tão famosa. Não vou dizer que isso foi erradicado completamente no segundo, mas definitivamente me senti mais em casa. Ainda assim, nunca havia retornado para um personagem ou equipe antes. É tipo acampamento de férias. Dessa vez, não eram mais águas inexploradas, Jamie e eu já sabíamos com o que estávamos lidando.

A química entre você e Jamie Dornan no primeiro filme foi notável. Como foi trabalhar com ele novamente?
Devido à intimidade do primeiro filme, nós criamos um ambiente seguro. Então nós, graças à Deus, nos tornamos bons amigos. É verdade que temos sorte de nos entendermos bem, seria um pesadelo caso contrário. Dessa vez, nós filmamos por 6 meses e a maior parte das cenas, claro, são com Christian e Ana.

Qual sua opinião sobre o ator que interpretou Christian Grey?
Eu acho que Jamie tem uma calma em si mesmo, o que foi essencial para seu personagem. Sua aparência estoica, inteligência e espiritualidade completam todo esse complexo.

No que o diretor James Foley contribuiu para o filme?
James é um diretor incrível que se juntou a um grupo de pessoas muito talentoso. Seu trabalho foi particularmente adequado no aspecto de suspense que eleva a história.

Como você gravou as cenas mais intensas?
A quantidade de cenas de sexo que tinham de ser gravadas era assustadora, então nosso objetivo era deixar as coisas mais leves, enquanto, claro, tentávamos fazer com que as cenas fossem reais e não repetitivas. Gravar essas cenas pode ser emocionalmente e fisicamente exigente, portanto precisamos estar o máximo atentos possível com o outro.

Você se preparou para o papel?
Antes de começarmos a filmar, reli os livros para deixar a história fresca na mente e me deixar mais energética.

Nesse filme, Anastasia está mais forte, o que é comum de se ver em personagens femininas nos filmes hoje em dia. Você tem orgulho de trazer esse aspecto às telonas?
Eu realmente acho que esse é o aspecto mais importante dos filmes. Histórias são criadas para informar e mexer com as pessoas. Se você consegue fazer algo que empodere as mulheres, faça-as perceberem seus próprios valores e se defenderem, se sentirem capazes e apoiadas, acho que essa é uma grande oportunidade. Especialmente devido à nossa situação atual na sociedade e na política.

Seu papel é inspirar outras jovens a tomarem controle das próprias vidas. Você está ciente disso?
Isso é algo que faz eu me sentir incrivelmente honrada. Afinal, eu faço o que amo, e se esse amor tem qualquer impacto positivo em outras pessoas, é uma grande honra para mim.

Fonte | Tradução: Laura M.

postado por Laura Melo na categoria Cinquenta tons mais escuros
VÍDEO LEGENDADO: Data de lançamento do DVD e Blu-ray de “Cinquenta Tons Mais Escuros” é divulgada
20.03.2017

Hoje (20 de março) pela manhã, a Universal Studios liberou a data de lançamento do DVD e Blu-ray de “Cinquenta Tons Mais Escuros”, contendo uma série de bônus, como bastidores, entrevistas, cenas deletadas e o tão esperando Unrated, que é a versão estendida do filme exibido nos cinemas. O lançamento é no dia 09 de maio e os itens já estão disponíveis para pré-venda na Amazon US. Além do DVD e Blu-ray, a versão Digital HD do filme já estará disponível no dia 25 de abril. Para divulgar as datas, foi compartilhado um trailer com um pouco do que se pode esperar, e nossa equipe o legendou para vocês. Assistam:

postado por Laura Melo na categoria Cinquenta tons mais escuros